MORRE O ARTISTA MARCELO DENNY

Morreu em São Paulo, aos 51 anos de idade, o muti-artista Marcelo Denny, importante agitador cultural brasileiro.


Morreu nesta segunda-feira Marcelo Denny, diretor teatral, cenógrafo, artista plástico, performer, curador e diretor de arte vencedor de mais de 30 prêmios em festivais de teatro pelo Brasil. De acordo com informações de familiares e amigos nas redes sociais, Marcelo sofreu um infarto fulminante.


Ácido, provocador e questionador, Marcelo lecionou na ECA-USP, onde esteve desde o mestrado e doutorado. Foi um dos fundadores dos grupos “Cia Teatral “Cadê Otelo?”, Desvio Coletivo e da Cia Sylvia Que Te Ama Tanto, onde atuou como diretor e cenógrafo em mais de 20 espetáculos. Foi professor convidado na Universidad de Chile, Santiago e na Escola Superior de Teatro e Cinema de Lisboa, Portugal, Universidade São Judas, Faculdade Paulista de Artes, SP Escola de Teatro, UNESP, Escola São Paulo de cultura contemporânea e também nas Universidades Anhembi Morumbi, UNIBAM e FPA-Faculdade Paulista de Artes. Foi um dos representantes do Brasil na Quadrienal de Cenografia de Praga,(República Tcheca). Nos últimos anos lecionou cursos e realizou ações performativas nas instituições: SESC e SENAI (várias capitais pelo Brasil). Foram muitos os espetáculos dirigidos pelo profissional, que também auxiliou na composição estética de obras diversas.

Imagem extraída do site http://www.marcelodenny.com/

Marcelo Denny, é filho de Alarico Filho, o Alarico do Rádio, e desde sempre foi envolvido com arte. Seu trabalho coo agitador cultural e conhecido nacionalmente. Ainda não há informações sobre velório e sepultamento.

Imagem extraída do site http://www.marcelodenny.com/

*Com informações dos sites R3 e Marcelo Denny

1/5

© 2019 - Conteúdo - Portal de Cultura e Arte de Brasília e do Brasil

 Editado por Josuel Junior e colaboradores       I     Web Designer: Caio Almeida

  • Instagram B&W

Para sugestão de pauta, envie release o e-mail:

falecomportalconteudo@gmail.com