• davicdm

VENDAVAL, PRIMEIRO LIVRO DE RICARDO CALDEIRA

O lançamento acontece nesta quarta (22/12) e contará também com exposição de obras à venda, além da participação de escritores e artistas negras.

Foto: Magan

O artista visual e escritor Ricardo Caldeira realizará o lançamento do seu primeiro livro chamado Vendaval. A publicação é um catálogo de pinturas e textos realizados desde 2012 no qual arte dialoga com uma consciência corporal negra e sexualmente diversa. Durante o evento e complementar ao livro, o acervo do artista estará exposto, com obras disponíveis para aquisição. O encontro acontece dia 22 de dezembro de 2021, quarta-feira, às 19h na Biblioteca Exu do Absurdo, em São Sebastião (DF). A programação também contará com a participação de poetas, escritores e músicos da cena cultural negra, LGBTQIAP+ e periférica do Distrito Federal. Haverá apresentação poética e venda de livros de Pedro Ivo e Nanda Fer Pimenta. Movimentando a noite, apresentações musicais de Paulo Dagomé, Loba Makua e Senhora Teles. Para apresentar ao público o processo criativo do livro, haverá também um bate-papo com o artista mediado pelo repórter e poeta devana babu.


Sobre o livro

Finalizado em 2020, Vendaval é um catálogo de desenhos, pinturas e textos ensaísticos de Caldeira com participações especiais. Através da sinergia entre artes visuais, literatura e dança, o artista aborda a potência da expressão emocional expressa na gestualidade através de traços, mas também pelas palavras. O livro é financiado pelo FAC – Fundo de Apoio a Cultura do Distrito Federal e está à venda no valor de R$ 50 reais mais R$ 10 reais de frete dos Correios. Complementar a sua produção, foram convidados os poetas Cristiane Sobral, Natália Maria Alves Machado (Kamali Bantu Caxekwyj), Paulo Dagomé e tatiana nascimento – não só pelas potências discursivas de cada um, mas, também, por fazerem parte da vida de Ricardo – para contribuir com textos que iluminam aspectos de sua obra. Artistas e pensadores negros, e que, portanto, partilham certas vivências e perspectivas com o artista. Em 2018, enquanto Caldeira começava a se debruçar sobre a catalogação, organização e catalogação do seu trabalho, surgiu um convite para participar da série documental Favela Gay – Periferias LGBTQI+. A série é dirigida pelo carioca Rodrigo Felha e está disponível na Globo Play. Com um protagonista diferente em cada episódio, como a artista travesti paraense Leona Vingativa e outras personagens, Ricardo Caldeira fala de sua quebrada, seus afetos e movimentos culturais ao lado do fotógrafo e amigo do artista Webert da Cruz. Essa produção é complementar ao livro, produzida simultaneamente, inclusive.


Sobre o artista

Ricardo Caldeira é artista visual e escritor. Tem 33 anos, é natural de Brasília, vive e atua em São Sebastião-DF e é estudante de Teoria, Crítica e História da Arte na UnB. Em seu processo criativo, explora a interação entre o desenho, literatura de dança. Em sua obra está expressa a representação de estados de presença e êxtase em corpos negros de expressões sexuais diversas. Acompanhe Caldeira em seu Instagram @ricardocaldeira_ Whatsapp (61) 98303-1594 – Ricardo


PROGRAME-SE

Lançamento do Livro Vendaval, de Ricardo Caldeira

QUANDO: 22 de dezembro, as 19h;

ONDE: Biblioteca Exu do Absurdo em São Sebastião (DF)

Endrereço: Quadra 102, conjunto 24, lote 40

Residencial Oeste, São Sebastião - DF

(Acima do Skate Park)

AS MAIS LIDAS DA SEMANA...