top of page

MUSICAL "NEY MATOGROSSO - HOMEM COM H" EM CARTAZ NO TEATRO PROCÓPIO FERREIRA - SP

Com texto de Emilio Boechat e Marília Toledo, segunda produção teatral da Paris Cultural homenageia a trajetória de um dos artistas mais autênticos da cultura brasileira

Foto de Adriano Doria

Sucesso de público e de crítica, o musical Ney Matogrosso – Homem com H, produção da Paris Cultural, tem mais uma temporada em São Paulo, entre os dias 1º de junho a 2 de julho no Teatro Procópio Ferreira. As apresentações acontecem às quintas e sextas, às 20h30, aos sábados, às 15h30 e 20h30; e aos domingos, às 15h.


O espetáculo tem texto de Emilio Boechat e Marilia Toledo, que assina também a direção ao lado de Fernanda Chamma, e direção musical de Daniel Rocha. O cantor camaleônico Ney Matogrosso, grande homenageado no musical, é vivido no palco por Renan Mattos, que venceu o prêmio Destaque Imprensa Digital 2022 e foi indicado ao APCA, ambos na categoria de melhor ator por este papel.


A ideia de montar essa produção, de acordo com a diretora e autora Marília Toledo, surgiu depois que ela soube que seus sócios Marcio Fraccaroli e Sandi Adamiu tinham adquirido os direitos para realizar um longa-metragem sobre a vida de Ney Matogrosso.


O musical chega para apresentar ao público essa figura tão importante para a nossa cultura, “algo obrigatório para qualquer brasileiro”, como considera Toledo. “A discografia de Ney Matogrosso passeia pelos compositores mais importantes do nosso país, o que reflete a nossa história. E sua história de vida é extremamente interessante. Ele sempre foi um homem absolutamente autêntico. Experimentou e ousou como nenhum outro artista, enfrentando os militares de peito aberto e nu, literalmente”.


A montagem

Ney Matogrosso – Homem com H explora momentos e canções marcantes na trajetória do cantor sem seguir necessariamente uma ordem cronológica. A história começa em um show do Secos & Molhados, em plena ditadura militar, quando uma pessoa da plateia o xinga de “viado”. Essa cena se funde com momentos da infância e adolescência do artista. E, dessa forma, outros episódios vão se encadeando na cena.


Em relação às canções do homenageado, o musical também não segue uma cronologia – exceto naqueles momentos em que a dramaturgia precisa ser mais fiel à realidade. As músicas vão sendo encaixadas no contexto de cada cena e as letras acabam estabelecendo um diálogo interessante com a vida de Ney Matogrosso.


Quanto à encenação, as diretoras apostam em um ensemble potente, que irá apoiar o protagonista do começo ao fim – e praticamente sem sair de cena. As trocas de figurinos e até maquiagens, inclusive, serão feitas na frente do público, brincando com as ideias de oculto e o explícito o todo o tempo.


Outro aspecto que tem bastante importância na montagem são os icônicos e provocantes figurinos de Ney Matogrosso. A diretora conta que a figurinista Michelly X está mergulhada em uma intensa pesquisa dos trajes originais usados pelo artista-camaleão para poder reproduzi-los com bastante fidelidade.


QUEM FAZ

Texto: Marilia Toledo e Emílio Boechat Direção: Fernanda Chamma e Marilia Toledo Coreografia: Fernanda Chamma Direção Musical: Daniel Rocha Cenografia: Carmem Guerra Figurinos: Michelly X Visagismo: Edgar Cardoso Desenho de som: Eduardo Pinheiro

Desenho de luz: Fran Barros & Tulio Pezzoni

Preparação vocal: Andréia Vitfer Realização: Paris Cultural

Patrocínio: EMS e Eletrobrás Produção Geral: Paris Cultural


Elenco por ordem alfabética: Abner Debret – Vicente Pereira

Andreas Trotta - Dodi

Bruno Boer – Cover Ney Matogrosso

Enrico Verta – Gérson Conrad

Fábio Lima – Ensemble

Giselle Lima – Beíta

Hellen de Castro – Rita Lee

Juliana Romano – Regina Chaves

Ivan Parente – Moracy do Val

Maria Clara Manesco – Luli

Maurício Reducino – Ensemble

Murilo Armacollo – Ney Jovem

Natália Antunes – Dance Captain

Nando Motta – João Ricardo

Renan Mattos – Ney Matogrosso

Tatiana Toyota – Elvira

Vinícius Loyola - Cazuza

Vitor Vieira – Matto Grosso



PROGRAME-SE

NEY MATOGROSSO – HOMEM COM H Temporada: 1º de junho a 2 de julho de 2023

Sessões: quintas e sextas-feiras às 20h30; aos sábados às 15h30 e às 20h30; e aos domingos às 15h.

Duração do espetáculo: 3 h (com 15 minutos de intervalo) Teatro Procópio Ferreira

624 lugares, incluindo 07 poltronas adaptadas para obesos e mais 12 lugares reservados para cadeirantes.

Telefone: (11) 3083-4475

Endereço: Rua Augusta, 2.823 – Cerqueira César


Setores e preços: Setor Premium R$ 180,00 e Setor II R$ 150,00 Setor III R$ 75,00

Vendas online pela Plataforma Sympla.

Classificação indicativa: 16 anos

CANAIS DE VENDAS OFICIAIS

Internet (com taxa de serviço): https://www.sympla.com.br/

Bilheteria do Procópio Ferreira: (sem taxa de serviço): Atendimento Presencial: Terça-feira e quarta-feira das 14h às 19h;

Quinta-feira a Domingo das 14h até o início do espetáculo;


Formas de pagamento: Dinheiro, Cartão de débito e Cartão de crédito.

Não aceitamos pagamentos em cheque.

Não fazemos reservas.

O Teatro possui ar-condicionado e acesso universal.

Abertura da casa: 1 hora antes de cada espetáculo.


Comments


bottom of page