ALGUÉM DA SUA FAMÍLIA TEVE UM QUADRO DESSES EM CASA?

Um dinossauro invade diferentes cenários e pessoas desesperadas fogem da fera. Se você tem boa memória, certamente se lembra de ter tido (ou visto) um exemplar desses na casa de um parente nos anos 1990. Afinal, que obras eram essas?


Sabe aquela imagem que a gente compartilha na internet e que, de repente, gera comoção de muitas pessoas? Pois é... Isso aconteceu quando os internautas reveram o quadro "Dinossauro na Praia". Descobrimos curiosidades a respeito das obras!

Ao que tudo indica, em 1980 um artista suíço chamado Giuseppe Reichmuth pintou um quadro onde um apatossauro invadia uma rodovia, causando estragos e pânico entre os trafegantes. E foi inspirado nesse quadro que o artista brasileiro Valentim Keppk fez uma releitura e criou outras sequências poéticas intituladas "Dinossauro na Pista", "Dinossauro Outdoor" "Dinossauro Fórmula 1" e a icônica "Dinossauro na Praia".


Nas obras, uma legenda em comum que pode confundir o público. Há o nome "Martinnelli" em todas elas, porém, através de pesquisa realizada por um internauta chamado Luide, dentro do site "Amigos do Fórum", em 2017, foi constatado que as obras foram encomendadas e, nesse caso, não é o artista quem assina a autoria e sim a estamparia Martinelli Ltda, que detém os direitos de propriedade das telas. Os direitos autorais das obras dos dinossauros estão registrados na Escola de Belas Artes do Rio de Janeiro.


Os quadros se popularizaram devido ao baixo custo e à pirataria. Era comum vê-los em feiras, praças e lojas de produtos paraguaios, que, na época, representavam boa parcela dos produtos importados (hoje, monopólio chinês). Basta lembrar que no começo dos anos 1990 era fácil encontrar nas ruas guarda-chuvas preto e brancos com rosto da Madonna, quadros de motocicletas e caminhões pegando fogo no deserto, além dos inúmeros papéis de carta para crianças. Tudo era fruto da pop-art num período em que ter obras iguais aos outros em casa era sinônimo de status ou moda.

M.a.r.t.i.n.e.l.l.i. é uma empresa de São Paulo fundada em 1935 como fabricante de estampas religiosas. Sabe aquelas imagens famosas dos panfletos das Testemunhas de Jeová onde leões e pessoas compartilham a vida feliz num riacho? São da M.a.r.t.i.n.e.l.i Em 1953, a empresa passou a exercer maior influência em diferentes segmentos, que vão de camisetas, quadros à embalagens.


Em 1995, os sócios-irmãos resolveram encerrar as atividades gráficas da empresa surgindo uma nova empresa: Estamparia Martinelli Ltda. Com sede própria no bairro da Aclimação/ SP, a empresa fabrica estampas religiosas, bíblicas, paisagens e santinhos com oração. Atuou no segmento de transfer serigráfico, fotolito, artesanato em folhas para decoupage e scrapbook.

Obras criadas pelo artista Valentim Keppk

Em 2004 surgiu a Martinelli Art, com a inovação da nova linha Prints e Posters para distribuição nacional e também para exportação. No ano de 2007, nasceu uma nova ação do grupo: a Enquadr’Art, com pôsteres dirigidos aos fabricantes de quadros. Em 2014, foi criada também a Martinelli Quadros, com produtos em canvas digital para todos os ambientes e em grandes formatos. No acervo da empresa, milhares de imagens em alta qualidade para quem quiser comprar.

Ilustrações encomendadas ao artista Valentim Keppk

Acesse o site:

http://estampariamartinelli.com.br/?s=dinossauro&product_cat=0&post_type=product

AS MAIS LIDAS DA SEMANA...