top of page

ROGES MORAES E RAFAEL TURSI, DO PROJETO PÉS, SÃO ENTREVISTADOS NO QUADRO "QUEM FAZ ARTE"

No novo episódio do Tailândia Podcast o dançarino Roges Moraes e o diretor Rafael Tursi falam dos desafios do Projeto Pés.

Desde 2011, o Projeto PÉS pesquisa a criação, provocação e execução do movimento expressivo para e por pessoas com deficiência, através de técnicas do teatro-dança. O Projeto, no entanto, foi idealizado em 2009, quando o diretor Rafael Tursi, recém-formado Bacharel em Artes Cênicas, pela Universidade de Brasília (UnB), com um trabalho sobre a criação e análise de movimentos cênicos expressivos, a partir da Análise Laban do Movimento (LMA), recebe a notícia de que uma amiga muito próxima havia sofrido um acidente de trânsito que a deixou com tetraparesia. Enquanto acompanhava o tratamento da amiga, começa, então, a questionar-se sobre a possibilidade do exercício do teatro e da dança como reeducador corporal para pessoas com deficiência. Este processo coincide com sua entrada no curso de Licenciatura em Artes Cênicas, na mesma universidade, onde, através das disciplinas psicopedagógicas, teve seu primeiro contato com conteúdos sobre educação especial, integração e inclusão escolar.

Vendo a possibilidade de aplicação da pesquisa sobre Laban, de maneira consciente, para gerar movimentos cotidianos em cena, e repeti-los posteriormente com precisão, nasce, então, a ideia de estudar o sistema para sua aplicação na educação física de pessoas com deficiência por meio da expressão corporal.

Outro mote da criação do Projeto foi a falta de projetos destinados às pessoas com deficiências. Esses projetos existem? Sim, mas, por vezes, não são suficientes ou não oferecem uma gama de opções a este público que tratamos aqui como protagonistas desta ação. A inclusão social, assim como o acesso a educação e a cultura, é direito garantido a todos pela Constituição Federal, porém, por despreparo dos professores/formadores e pela falta de infraestrutura necessária, esses direitos ficam, muitas vezes, comprometidos em todas as suas etapas. A proposta deste trabalho foi oferecer este laboratório, também, como projeto de extensão da universidade. E deu certo. Em 2011, nasceu o PÉS, um Projeto de Extensão e Ação Contínua (PEAC) da Universidade de Brasília, que visa a pesquisa do trabalho corporal expressivo para pessoas de qualquer idade e com quaisquer deficiências.


No Podcast "Quem faz Arte", Tursi e Roges Moraes compartilham suas experiências, desafios e triunfos no mundo da arte e explicam que um dos motes para a criação do PÉS foi a falta de projetos destinados às pessoas com deficiências. Esses projetos existem? Sim, mas, por vezes, não são suficientes ou não oferecem uma gama de opções a este público.


Na conversa com Josuel Junior, os artistas revelam os bastidores de um dos grupos mais expoentes no cenário artístico local e nacional. Os dois nos lembram que a arte é um veículo poderoso para expressão, transformação e conexão com o público. A entrevista no estúdio do Tailândia Podcast é repleta de curiosidades sobre a produção artística do Distrito Federal.


O quadro "Quem Faz Arte" selecionou 10 artistas de Brasília e de outros estados para uma conversa franca sobre produção cultural e é realizado por meio da parceria entre o Tailândia Podcast e o Portal Conteúdo. Para alugar o estúdio, que faz preço promocional aos artistas do DF, basta entrar em contato com a equipe por meio do instagram https://www.instagram.com/tailandiapodcast/.



Comments


bottom of page