RAVIH ESTREIA CLIPE E PODCAST SOBRE REPRESENTATIVIDADE E INCLUSÃO NO ESPORTE

“Pertencer” é o novo clipe de trabalho do cantor

Foto: Julio Cesar

Para o lançamento do terceiro clipe de seu EP de estreia, Distância (dez/2020), RAVIH resolveu expandir os trabalhos e transformar “Pertencer”, novo clipe de trabalho, em uma ponte de debate sobre diversidade e inclusão nos esportes, tema do vídeo e do podcast que ele estreia simultaneamente. Com quatro episódios, a primeira temporada do podcast "Pertencentes" traz entrevistas com os esportistas LGBTQIA+ Izzy Cerullo (rugby), Fábio Lemes (esgrima), Danielle Nunes (vôlei) e Josué Júnior (futebol).


A ideia do podcast surgiu da própria letra - que trata da busca por um lugar de pertencimento -, somada às polêmicas recentes e constantes de homofobia e transfobia nos meios esportivos. O assunto rende uma calorosa discussão, dada a violência com que são tratados corpos não-binários, trans e pessoas com deficiência dentro de competições, times e até mesmo dentre o público. As entrevistas revelam a dureza dos bastidores que os convidados já vivenciaram, levantando questões que precisam de mais debate público. Os quatro episódios de “Pertencentes” estão disponíveis aqui.


Já o vídeo, filmado no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa Marechal Mário Ary (COTP), em São Paulo, reflete sobre avanço e retrocesso usando a corrida como analogia: tentamos correr para frente, mas “algo” nos puxa para trás. Kim Vasconcellos e Robson Siqueira contracenam com RAVIH, representando a comunidade atleta LGBTQIA+ e PCD, e demonstrando a resistência e o lugar que ocupam esses grupos minoritários. Kim, mulher trans e PCD, é a força feminina no vídeo, inclusive tomando o lugar do Deus-homem na releitura que ela e RAVIH fazem de “A Criação de Adão”, famosa obra de Michelangelo. Robson, dançarino do grupo Black in Lak’ech, reforça a figura do homem negro gay que convive com preconceitos e estereótipos na dança e esportes, mas que não se deixa intimidar.


“Pertencer” é uma música pop marcada pelos synths e teclados oitentistas, aquele estilo house/new beat de “Pump Up The Jam”, que tanto fervilhou nas pistas da época. A produção musical é assinada por Danilo Komatsu.

Os convidados do podcast:


Ouça os quatro episódios: “Pertencentes”.


EP 1 - Izzy Cerullo (mulher lésbica) - jogadora de rugby union

Ganhadora de uma medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos de 2015, competiu com a seleção feminina nas Olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro, ganhou o Hong Kong 7s em 2019, fazendo com que o Brasil entrasse como time fixo no circuito mundial e representou o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio 2021.


EP 2 - Fábio Lemes (homem gay) - esgrimista

Fábio é membro eleito da comissão de atletas da Confederação Brasileira de Esgrima, representante da Esgrima Circulista e já tem medalhas do Torneio Internacional de Porto Alegre, Esgrima Master, Gay Games 2018 (Paris) e outros.


EP 3 - Danielle Nunes (mulher trans) - jogadora de vôlei

Mulher trans negra, atleta, apresentadora, turismóloga e militante pelos direitos humanos.


EP 4 - Josué Júnior (homem gay) - jogador de futebol

Josué é presidente da Ligay, a Liga Gay Nacional de Futebol, que conta atualmente com a participação de mais de 40 times LGBTQIA+ espalhados por todo o Brasil.


QUEM FAZ

Vídeo:

Produção executiva: GOYN SP/United Way Brasil

Roteiro e figurinos: RAVIH

Direção: Júlio César e RAVIH

Drone: Marcelino Melo

Assistente de produção: Dario José Trindade

Montagem e finalização: Júlio César

Comunicação digital: Carter Music

Elenco: Kim Vasconcellos e Robson Siqueira

Apoio: Spcine


Música:

Compositor: RAVIH

Produção musical: Danilo Komatsu e RAVIH

Mix e master: Danilo Komatsu

Gravado no D3 Studios (SP)


Siga Ravih: Instagram | Facebook | Twitter | YouTube

“Pertencer” pode ser ouvida em: Spotify | Apple Music | Deezer

Ouça o EP Distância: https://ps.onerpm.com/5063088647

AS MAIS LIDAS DA SEMANA...