PEÇA "VIDA DE CÃO, CORAÇÃO DE HERÓI"

“Vida de cão, coração de herói” conta a saga de um cãozinho corajoso que sobreviveu ao rompimento da barragem na região de Mariana-MG e sai em busca de sua família, navegando entre surpresas e aprendizados!

Foto: Ricardo Avellar

Até 30 de março de 2021, a Cia. Mundu Rodá realiza apresentações gratuitas e com tradução em Libras do espetáculo infantil “Vida de cão, coração de herói.


Na adaptação inédita do espetáculo “Vida de cão, coração de herói” para a internet, a Cia. Mundu Rodá mergulha no universo infantil e convida as crianças e suas famílias a refletirem sobre o meio ambiente e a importância do cuidado com a natureza.

Com leveza e poesia, o espetáculo conta a história de um cãozinho vira-lata que em seu “barco” improvisado, o Titanica, vai se aventurar pela lama que cobriu sua casa e toda sua vizinhança para procurar sua família, da qual ele acabou se perdendo durante a fuga. Nessa grande e inusitada jornada, o cão chega ao Rio Doce, onde conhece vários personagens que irão tentar ajudá-lo a alcançar o seu objetivo.

Com músicas, animações e um cenário marcante, a Cia, Mundu Rodá se conecta com as crianças neste período de isolamento social para contar uma história de superação, coragem e de muita esperança.

A história é baseada no rompimento de uma das barragens da mineradora Samarco, localizada no município de Mariana-MG, em 05 novembro de 2015. Um dos maiores desastres ambientais ocorridos no mundo, que além de devastar a comunidade rural de Bento Rodrigues com uma avalanche de rejeitos de minérios de ferro, produziu uma lama tóxica soterrou plantas, animais e toda vida aquática por onde passava, chegando até a foz do Rio Doce, invadindo o mar na cidade de Regência, no Espírito Santo.


A adaptação inédita da peça infantil “Vida de cão, coração de herói” para o formato digital abre a temporada da Cia. Mundu Rodá, que contará ainda com os espetáculos Memórias da Rabeca e ARIGÓS: bandeira, espinha-de-peixe, cara-de-gato e o novo projeto musical de Alício Amaral com composições inéditas.

Ao todo a mostra de repertório da Cia Mundu Rodá será composta por vinte e quatro apresentações gratuitas até o final do mês de abril, todas com tradução em libras e seguidas de bate papo ao vivo com a equipe de criação de cada um dos espetáculos.

Com vinte anos de estrada, a Cia Mundu Rodá (SP), fundada por Juliana Pardo e Alício Amaral, vem construindo uma linguagem cênica própria a partir da observação, do contato e do diálogo com as Danças Tradicionais Brasileiras e o Trabalho do Ator/Músico/Bailarino.


Ministrando aulas, oficinas, preparações e com oito espetáculos em seu repertório: Donzela Guerreira (2007); Sambada de Reis (2005); Estrada (2010); Memórias da Rabeca (2017); Show Rabeca Primeira Sonora (2018); Figuras Inesperadas (2018); Vida de Cão, Coração de Herói (2019); Arigós -Bandeira, Espinha-de-Peixe, Cara-de-Gato (2020), o grupo já viajou os rincões do Brasil e expandiu sua atuação para países como China, Dinamarca, França, Inglaterra, República Tcheca, Itália e Portugal.

As ações fazem parte do projeto Vida de Cão, Coração de Herói online! contemplado no Edital PROAC EXPRESSO LAB 38/2020 – Produção de Infanto juvenil (PJ) - Estado de São Paulo.

Mais informações em: www.munduroda.com / Facebook: Mundu Rodá / Instagram: @munduroda

Assista o teaser do espetáculo em: https://www.youtube.com/watch?v=UrHPCaLKQzY

PROGRAME-SE

Quando: de 26 a 30 de março de 2021

Horários: 26 de março (sexta-feira), às 10h00 e 16h00

Dias 27 (sábado), 28 (domingo), 29 (segunda-feira) e 30 de março (terça-feira), às 16h00.

Onde assistir: www.facebook.com/munduroda e www.youtube.com/munduroda

Classificação Livre - Grátis

Duração: 60 minutos

Acessibilidade: Tradução simultânea em Libras


QUEM FAZ

Direção: Juliana Pardo | Dramaturgia e Texto: Alessandro Toller | Atuação, Direção e Criação Musical: Alício Amaral | Musicista em Cena e Criação Musical: Amanda Martins | Figurinos e Adereços: Emilia Reily | Cenografia e Ilustrações: Giorgia Massetani | Cenotecnia: Alicio Silva | Assistente de Cenotecnia: Juliana Magalhães | Desenho de Luz e Técnico de Som: Eduardo Albergaria | Projeção de Imagem, Concepção e Animação: Ana Luisa Anker | Direção de Arte: Paula Galasso e Luiz Cabral | Animação: Pedro Brandão | Produção Geral e Contrarregragem em Cena: Mariana Pardo| Contrarregragem em Cena: Tiago Moraes | Voz em Off “Lama”: Cibele Mateus e Juliana Pardo | Confecção Boneca Pacumã e Máscara Sonora Batik Krenak: Adriano Castelo Branco | Assessoria Artística: Luiz Cabral | Assessoria de Imprensa: Luciana Gandelini | Produção Executiva: Movimenta Produções | Local dos Ensaios: Casa Mundu Rodá | Local de Gravação: Teatro Flávio Império | Concepção: Cia. Mundu Rodá| Apoio: Cooperativa Paulista de Teatro | Treinamento e Pesquisa sobre Congada e Moçambique (MG): Marcinho dos Santos - Mestre em Gungas | Primeira Etapa - Contrarregragem em Cena (Lama): Cibele Mateus | Treinamento Corporal: Alex Merino e Kalil Moreira (FIT360) | Cão Personal: Elvis Presley


Equipe do Registro Audiovisual: Direção e Edição: Rica Saito | Operadores de Câmera: Fernando Solidade Soares, Baltazar Lima e Renata Castanhari | Produção: Temporal Filmes

1/3