top of page

PAULINHO MOSKA CELEBRA 30 ANOS DE CARREIRA NO CIRCO VOADOR - RJ

Artista volta ao palco da Lapa dia 26 de agosto, véspera de seu aniversário de 56 anos, e faz gravação ao vivo do show "Beleza e Medo", com direção de Batman Zavareze. Tom Karabachian abre a noite, que já nasce histórica.

Circo Voador e Paulinho Moska têm uma longa história: o músico, cantor e compositor lançou discos, fez participações classudas e comemorou marcos importantes de sua carreira nesse palco. Em seu novo pouso na lona da Lapa, o artista celebra 30 anos de estrada e seu aniversário de 56 anos, com um showzaço dia 26 de agosto. No palco, seu potente "Beleza Medo", que foi produzido pelo lendário Liminha e agora ganha um registro audiovisual, dirigido por Batman Zavareze. Tom Karabachian abre a noite, que já nasce histórica.


Com uma pegada mais pop rock, o repertório do show inclui músicas de seu último trabalho, que caminham juntas com grandes sucessos como "Pensando em Você", "Idade do Céu" e "Namora Comigo", para citar alguns. Ele vem com uma banda composta por Larissa Conforto (bateria), Lancaster (baixo), Miguel Bestard (guitarra) e Tibi (teclados). A direção musical é de Rodrigo Suricato (vocalista e guitarrista do Barão Vermelho).


Tom Karabachian se apresentou uma vez no Circo Voador, abrindo, com sua banda, para o show da Mart'nália. Agora, ele volta à lona com um formato diferente: sozinho, em voz e violão, num show intimista, em homenagem ao seu pai, o aniversariante da noite. O setlist autoral conta com “Sou Assim Até Mudar”, música gravada anteriormente por Mart'nália, entre outras canções que buscam encontrar linguagens diferentes dentro do vasto mundo da MPB.


Com uma carreira musical marcada por sucessos, Paulinho Moska estreou sua discografia, em 1993, com "Vontade". De lá pra cá, já são 30 anos escrevendo canções em que as letras se destacam tanto quanto a melodia. A primeira a se tornar nacionalmente conhecida foi “O Último Dia” (Moska/Billy Brandão) do seu segundo disco, “Pensar é Fazer Música” (1995), que trazia a pergunta: “O que você faria se só te restasse um dia?”. No disco seguinte, “Contrasenso”(1997), a canção “A Seta e o Alvo” (Moska/Nilo Romero) começou a soar nas rádios do país, seguida de “Um Móbile no Furacão” e “Sem Dizer Adeus” (1999), “Tudo Novo de Novo”(2003), “Pensando em Você” (2003) e “A Idade do Céu” (2003). Essas foram as canções mais conhecidas da sua primeira década de trabalho, além de “Relampiano” (parceria com Lenine) e “Admito que Perdi” (gravada por Marina Lima).

Foi no álbum “Tudo Novo de Novo” (2003), que Moska iniciou uma relação muito íntima com artistas da América Latina, gravando “A Idade do Céu”, sua versão para “La Edad del Cielo”, tema do uruguaio Jorge Drexler, que depois faria sucesso também nas vozes de Simone e Zélia Duncan. A proximidade com os artistas latinos desembocou no álbum “Locura Total” (2015), gravado em português e espanhol e em parceria com o argentino Fito Páez. O disco foi indicado ao Grammy Latino na categoria de Melhor Canção com “Hermanos”(Moska/Fito Paez). Em 2018, lançou o disco de inéditas "Beleza E Medo".


Moska emplacou incontáveis temas em trilhas da TV Globo – 11 deles, em sua própria voz. Também se tornou um compositor muito requisitado por outras vozes. A primeira foi Marina Lima, que, em 1995, abriu o álbum “Abrigo” com “Admito que Perdi”. Depois, vieram inúmeras outras gravações, por artistas como Maria Bethânia (“Saudade”), Elba Ramalho (“Relampiano”), Ney Matogrosso (“O Último Dia” e “Gotas do Tempo Puro”), Gal Costa, que gravou “Unhas e Cabelos” (Moska/Breno Góes) , entre muitos outros.


Na TV, apresentou 11 temporadas - 10 produzidas no Brasil e uma gravada em Montevidéu, do programa “Zoombido”, no Canal Brasil. Nesse período, levou mais de 250 compositores à sala de espelhos. Nomes de todas as gerações e estilos. Além de entrevistar e fotografar, Moska faz um dueto com todos eles, cantando e tocando violão. Os EPs da série contendo os áudios dos episódios estão disponibilizados nos aplicativos de música.

Concebeu, dirigiu e atuou na emocionante série documental "Tu Casa es Mi Casa", lançada pela HBO, que revela uma América Latina moderna e contemporânea. Nela, personalidades populares em cada país se unem a Moska na busca de razões para prever um grande futuro para o nosso continente. Além das esperadas canções, estes encontros resultam em interpretações visuais das conquistas de cada lugar, que Paulinho tatuou no próprio corpo, como prova do seu compromisso e entusiasmo por essas ideias.

Em agosto de 2023, Paulinho Moska celebra essas e muitas outras realizações nesses 30 anos de carreira com um showzaço, dia 26, no Circo Voador. No palco com sua banda, comemora seus 56 anos e registra em audiovisual o espetáculo “Beleza e Medo”. Seu filho, Tom Karabachian, abre a noite, deixando o roteiro ainda mais especial. Evoé!

PROGRAME-SE

PAULINHO MOSKA

30 anos de carreira no Circo Voador

Turnê "Beleza e Medo"

Show de abertura: Tom Karabachian

Data: Sábado, 26 de agosto de 2023

Local: Circo Voador - Rua dos Arcos s/nº Lapa

Telefone: (21) 2533-0354

Abertura dos Portões: 21h


Ingressos:


1º lote: ESGOTADO

2º lote:

R$ 70 (meia-entrada para estudantes, menores de 21 anos, pessoas com deficiência e maiores de 60 anos | ingresso solidário válido com 1 kg de alimento | cliente Clube O Globo - participante do programa de relacionamento do Jornal O Globo | cliente Cartão Giro MetrôRio – cadastre o cartão e pague meia-entrada em até 2 ingressos)

R$ 140 (inteira)

3º lote:

R$ 80 (meia-entrada para estudantes, menores de 21 anos, pessoas com deficiência e maiores de 60 anos | ingresso solidário válido com 1 kg de alimento | cliente Clube O Globo - participante do programa de relacionamento do Jornal O Globo | cliente Cartão Giro MetrôRio – cadastre o cartão e pague meia-entrada em até 2 ingressos)

R$ 160 (inteira)

4º lote:

R$ 90 (meia-entrada para estudantes, menores de 21 anos, pessoas com deficiência e maiores de 60 anos | ingresso solidário válido com 1 kg de alimento | cliente Clube O Globo - participante do programa de relacionamento do Jornal O Globo | cliente Cartão Giro MetrôRio – cadastre o cartão e pague meia-entrada em até 2 ingressos)

R$ 180 (inteira)

Classificação: 18 anos (14 a 17 anos somente acompanhados pelos responsáveis)

Compras na bilheteria do Circo Voador e pelo site da Eventim: www.eventim.com.br

bottom of page