"O LUGAR DA MULHER E SUAS FORMAS" - ESPETÁCULO DA DANÇA ESTREIA EM JULHO

Espetáculo de dança O que me Cabe, protagonizado por Lunna Gomes e Gabriela Neri, estreia dia 09 de julho, às 18h, gratuitamente pelo Youtube.

Foto: Julyelly Roberta

Com um discurso denso, mas também sutil e poético sobre o lugar de formação do feminino, O que me Cabe é um espetáculo de dança em formato audiovisual das bailarinas goianas Gabriela Neri e Lunna Gomes. O projeto inédito, desde sua idealização até a execução, estreia sábado (09/07), às 18h, gratuitamente pela plataforma de vídeos Youtube, com apoio da Lei Aldir Blanc.


Duas mulheres mergulhadas em seus estigmas e instintos, com o intuito de investigar os símbolos e significados do que se escolhe (ou não) vestir na caminhada contemporânea. Há décadas as mulheres se cobrem com tecidos e adornos, conceitos e diretrizes, comportamentos e consciências. Por quê? De onde vêm o impulso de escolha?


O que me Cabe procura traduzir em movimento o cansaço, a força, a apatia, a empatia, a revolta, a ressignificação, o anseio por novos tamanhos e formas; o conforto e o desconforto num lugar de reflexão que busca manifestar símbolos para se apropriar de conceitos.


Sobre processo criativo

O que me Cabe surgiu de uma reflexão que no início soava simples, mas ao longo do processo foi se mostrando em camadas de complexidade. Duas mulheres, baseadas em suas vivências, se questionam sobre quais são as roupas, os acessórios, ou o que cada pessoa carrega consigo que outrora fazia sentido e hoje não mais? Ou vice-versa? Quais as simbologias por trás do que usamos? O que de fato nos representa e escolhemos usar e o que nos é imposto pela sociedade?


Para além da reflexão, O que me Cabe é resultado prático de um estudo de movimento que as bailarinas Lunna Gomes e Gabriela Neri desenvolvem há mais de dois anos. A pesquisa gerou corpo e expressividade em uma mistura de linguagens da dança contemporânea e das danças de salão.


O que complementa o projeto é a colaboração de várias mulheres nesse processo. O que me cabe convidou o CEVAM (Centro de Valorização da Mulher) para participar da criação junto à equipe de produção. De acordo com a bailarina Lunna Gomes, essa etapa foi essencial para o espetáculo.


Realizado de forma colaborativa, todas da equipe participaram também com propostas de produção, figurino, cenário, iluminação e captação de imagem. Assim, o espetáculo é o produto da conversa harmônica entre diferentes linguagens artísticas com olhares e vozes femininas.


Além de evidenciar a mulher em cena, tanto pelas bailarinas, como pelo tema proposto, O que me Cabe teve como preocupação incentivar e reconhecer o trabalho de mulheres que ocupam cargos de criação e, principalmente, de técnica dentro de projetos culturais (espaço predominantemente masculino).


Sobre bailarinas em cena

Lunna Gomes estuda e trabalha com a dança contemporânea, clássica e danças urbanas há mais de 15 anos. Seu foco de pesquisa se aprofundou nas técnicas das danças de salão e suas possibilidades em fusão com a dança contemporânea, explorando a consciência corporal e a expressividade na dinâmica a duas/dois.


Gabriela Neri é graduanda em Dança pela UFG e já estudou dança clássica, danças urbanas, dança contemporânea e dança de salão, esta última, como modalidade em que atua profissionalmente hoje em dia. Sua pesquisa em movimento consiste em construir um lugar nas danças a dois onde haja liberdade de expressão.


Nos últimos 2 anos, pelo propósito semelhante que possuem dentro da dança, Lunna e Gabriela decidiram se conectar em colaboração para aprimorar e trocar informações sobre suas especialidades e objetos de pesquisa, descobrindo novos caminhos para a alquimia que é dançar a duas.


O que me Cabe é um projeto resultado dessa parceria. Estreia dia 09 de julho, às 20h, pelo canal do Youtube da bailarina Lunna Gomes. Possui apoio cultural da Lei Aldir Blanc e do Adriano Garibaldi Núcleo de Dança. A realização deste projeto só foi possível também pelo apoio institucional do Centro Cultural UFG e parcerias com o CEVAM (Centro de Valorização da Mulher), Natural Alimentos e FETEG (Federação de Teatro de Goiás).

PROGRAME-SE

O QUE ME CABE

Estreia: sábado, 09 de julho de 2022.

Onde: Youtube da bailarina Lunna Gomes / Link: https://bit.ly/lunnagomes

Horário: 18h

Mais informações e divulgações: Instagram de Gabriela Neri e Lunna Gomes

Duração: 18min

Classificação Livre

AS MAIS LIDAS DA SEMANA...