O BAILE BLACK DE SORRY DRUMMER & FRIENDS

Célebre baterista de rap lança o terceiro disco, com edição em vinil e 27 convidados.

IF Studio

Sorry Drummer esteve no silêncio (mas em ação) nos últimos quatro anos, período que precisou se esquivar toda vez que perguntado sobre seu próximo disco - algo frequente que o baterista costuma ouvir dia sim, dia também. Este novo trabalho, o Volume 3, já chega sendo aguardado por muitos, que sabem que um disco de Sorry é sempre virtuoso no conceito e no instrumental, além de apresentar colaborações ilustres de MCs, DJs e produtores nacionais e gringos.


Sorry Drummer & Friends - Volume 3 é o caprichoso trabalho em que Sorry, nascido Luís Roberto Julião, em 1973, na Vila Matilde (SP), esteve debruçado nestes últimos anos, tempo necessário para organizar tantas ideias, participações e pensar como lançar um sucessor que arrebatasse o ouvinte da primeira à última nota. Seus Volumes anteriores pediam uma continuação à altura e além.


Eram muitas batidas pra dar conta, Sorry sabia que o novo álbum teria um recorde de faixas até para ele mesmo, que lançou 16 e 15 músicas nos outros Volumes, em 2012 e 2016, respectivamente. Com as vantagens de um baterista que pensa além do ritmo e compõe também a melodia, o repertório que ele tinha em mãos dava pra encher uns dois discos, e foi o que ele fez.


O Volume 3 tem 10 faixas na edição em vinil, com 300 cópias, e 20 faixas na versão digital. O título visita estilos distintos da música negra urbana, mas deve ser encarado como um disco de rap, feito por um baterista de rap que agrega R&B, soul e neo soul, jazz, boombap, trap, pop, new jack swing e uma salutar incursão pelo gospel e spiritual jazz. A influência brasileira aparece no samba rock e na bossa nova, que foram combinados com house e drum'n'bass.


Volume 3 é o típico disco de rap pra ser ouvido como uma mixtape e este é o Baile Black de Sorry Drummer. Uma obra que se desdobra por tantos temas mas que mantém uma condução única, como se fosse o DJ da festa que gastou horas pra montar sua playlist mais quente.


Volume 3 é uma trilha pra gente recobrar as esperanças. “Este álbum traz mensagens e sonoridades que podem nos confortar e motivar após tantos momentos difíceis - e não falo apenas da pandemia e suas consequências, mas das lutas pessoais também. Nossa mensagem é a de investir no futuro e no amor, tem muito isso em todas as faixas do disco. O amor que você tem pela vida, por sua família, amigos, pelo trabalho, confiar no seu caminho e Naquele que te guia. É um disco que fala para todos. Todos vão entender essa mensagem porque ela é universal. No Volume 3, conseguimos reunir todo este time de artistas, do Brasil e outras partes do mundo, para trazer um pouco de motivação para algo que estamos passando globalmente mas também pessoalmente. É um trabalho universal e pessoal ao mesmo tempo”, conta o baterista, tentando sintetizar o processo e o produto final.


Seguindo a tradição dos Volumes 1 e 2, as participações formam um grande elenco com 27 convidados e reforçam os laços e nível internacionais de Sorry Drummer.


A lista de feats tem os músicos estrangeiros: os norte-americanos Casey Jones (Flórida), Tiffany Paige (Washington), Levar Thomas (Flórida), Madame Mins (Dallas), John Robinson (Nova York), Isreal (Califórnia), LaQuan (Los Angeles) e Vic Smith (Detroit/Las Vegas); as inglesas Deborah Jordan e Georgie Sweet, e o norueguês Dreamon. De brasileiros, conta com o produtor e instrumentista Silvera, Filiph Neo, Angel, Lino Krizz, Wesley Camilo, Junior Klein, MV Bill, Coruja BC1, Max Musicamente, Kivitz e Dee; os músicos Igor Prado e BrunoE, além dos DJs Erick Jay, Luciano Rocha e Patife.


A edição em vinil de Sorry Drummer & Friends - Volume 3 terá lançamento acompanhado de tarde de autógrafos na loja da Gringos Records, em São Paulo, em 13/11. O vinil pode ser adquirido no dia por R$150,00 ou online na loja da Gringos. O disco é uma produção e realização de Sorry Drummer, GueRopa Music, Vitrola Records e Gringos Records.


Sorry Drummer & Friends - Volume 3 já está disponível: Spotify | Deezer | Apple Music | YouTube Music


QUEM FAZ

Produzido por Silvera e Sorry Drummer

Produção executiva por GueRopa Music

Todas as baterias por Sorry Drummer

Todos os demais instrumentos por Silvera

Captação da bateria por Plínio Hessel

Mixagem e masterização por Silvera

Fotografia por Marcelo Pretto

Direção de arte e design por Israel Freschi na IF Studio


Instrumentistas e DJs:

Violão em “Tavon’s Move”: Filiph Neo

Teclados em “All About Love” e “Discípulo”: Silvera e Filiph Neo

Baixo acústico em “All About Love”: Bruno E

Scratches e colagens em “Discípulo” e “Runaway” por DJ Erick Jay

Coprodução e sample em “Runaway” por DJ Luciano Rocha


Tracklist:

1. Process - feat. Dreamon

2. Don't Give Up - feat. Tiffany Paige

3. All about Love - feat. Isreal e Madame Mins

4. Discípulo - feat. MV Bill, Silvera e DJ Erick Jay

5. Gotta Give Praise - feat. Casey Jones

6. On the Way - feat. Vic Smith

7. Tavon's Move - feat. Vic Smith

8. O Som que Guardei - feat. Angel

9. Precious Love - feat. Lino Krizz e Silvera

10. Dias Melhores - feat. Tiffany Paige e Silvera

11. Healing Hands - feat. Levar Thomas

12. Graça - feat. Filiph Neo e Dee

13. Hear My Cry - feat. Tiffany Paige | Hear My Cry (interlúdio) - feat. Tiffany Paige

14. Reatar - feat. Junior Klein

15. Faith - feat. Georgie Sweet

16. Stronger - feat. LaQuan

17. My World - feat. Tiffany Paige e DJ Patife

18. Never Give Up - feat. Deborah Jordan e Casey Jones

19. Mantenha a Fé - feat. Muzicamente, Kivitz e Wesley Camilo

20. Don't Give Up (remix) - feat. John Robinson, Coruja BC1 e Tiffany Paige


Siga Sorry Drummer: Instagram | Spotify | Facebook

AS MAIS LIDAS DA SEMANA...