top of page

"MULHERES EM CENA" CHEGA À 6ª EDIÇÃO COM SUA DIVERSIDADE DE CORPOS/ SP

Mostra traz criações em dança, teatro e performance de artistas que refletem sobre gênero, relação vida-obra e linguagem de cena depoimento.

Poéticas - Zona Agbara

Entre 8 e 19 de novembro, dois espaços importantes da cidade – Centro de Referência da Dança de São Paulo e Oficina Cultural Oswald de Andrade -, acolhem a 6ª edição do “Mulheres em Cena”, mostra idealizada pela coreógrafa Vanessa Macedo a partir do desejo de difundir ações protagonizadas por mulheres e promover o debate relacionado a gênero, performatividade e representações do feminino.


Esta edição, que reúne 20 núcleos artísticos com criações nas linguagens de dança, teatro e performance, traz como destaque a parceria com a ECA-USP, especialmente na realização do Fórum “Discutindo o autodepoimento na cena”, que abre a segunda semana de atividades. Todas as ações são gratuitas.


A abertura, dia 8/11, às 19h, no CRDSP, começa com a estreia do solo “La Mariposa”, criação de Vanessa Macedo, que traz arquétipos do feminino representados por sonhos e diálogos entre mãe e filha, conduzindo ao universo da magia, da contradição e das sombras como companheiras de viagens oníricas. Na sequência, o Grupo Vão dança “No Hay Banda é Tudo Playblack", onde as artistas, por meio do dispositivo de dublagem e uma playlist cuidadosamente selecionada, mobilizam sensações ambíguas de familiaridade e incômodo que provocam mudanças instantâneas no estado emocional.


As apresentações no CRD seguem até sábado, com uma mostra de trabalhos em processo de criação na quarta, 9/11, a partir das 15h, trazendo o humor de Ultra Martini em "Feiura Comovente", Ana Clara Poltronieri, com "Sorella - a ridícula ideia de nunca mais te ver”, Heloísa Sousa, em "Manual de Instruções para Tornar-se Mulher após o Divórcio", Menine Negre, com "Mapeamento y Transfigurações da Memória" e Flavia Bertinelli, em "Barbatanas".


Mulheres em Cena

Concebido em 2018, como uma produção independente da Cia Fragmento de Dança, Mulheres em Cena entende prática artística como gesto político. Um dos seus enfoques é pensar arte-vida-criação-corpo-pesquisa juntos em suas complexidades. É nesse contexto que o autodepoimento pode deixar de ser visto de forma isolada e egóica, deslocando-se para um discurso que, ao ser publicizado, politiza experiências.


Tanto a estreia de “La Mariposa”, como o Fórum “Discutindo o autodepoimento na cena”, inseridos na Mostra, integram projeto da Cia Fragmento de Dança, financiado pelo Programa Municipal de Fomento à Dança para a cidade de São Paulo.


PROGRAME-SE

6º Mulheres em Cena – dança, teatro, performance e Forum de discussões

De 8 a 19/11

Centro de Referência da Dança – CRDSP | Vale do Anhangabaú

Galeria Formosa / Baixos Viaduto do Chá – ao lado do Theatro Municipal

Acessibilidade: não

Oficina Cultural Oswald Andrade

Rua Três Rios, 363 – Bom Retiro

Acessibilidade: não

Programação


*Centro de Referência da Dança - CRDSP

8/11 (terça-feira), 19h

Vanessa Macedo (Cia Fragmento de Dança) "La Mariposa"

Grupo Vão – "No Hay Banda é Tudo Playblack"

9/11 (quarta-feira), 15h – Mostra de trabalhos em processo

Ultra Martini – "Feiura Comovente"

Ana Clara Poltronieri – "Sorella - a ridícula ideia de nunca mais te ver" Heloísa Sousa – "Manual de Instruções para Tornar-se Mulher após o Divórcio

Menine Negre – "Mapeamento y Transfigurações da Memória"

Flavia Bertinelli – "Barbatanas"

10/11 (quinta-feira), 19h

Claudia Palma (In Saio Cia de Arte)"Um outro corpo - desdobramentos

Suzana Gomes – "Do Congelar Ao Fluir - uma jornada rumo à resiliência"

11/11 (sexta-feira), 19h

Desabafo Coletivo Teatro – "A noiva"

12/11 (sábado), 19h

Bruna Betito – "Vaca"

*Oficina Cultural Oswald de Andrade

14/11 (segunda-feira)

15h às 18h – FórumDiscutindo o autodepoimento na cena

Com: Gal Martins, Letícia Bassit, Janaina Leite, Morgana Manfrin de Oliveira e Rubi dos Santos – Mediação: Vanessa Macedo

20h – Daniel Calvet (Ateliê do Gesto)"Dança Inacabada"

15/11 (terça-feira)

17h – Carne Agonizante – "Eu em ti"

18h – Janaina Leite – "Stabat Mater"

16/11 (quarta-feira)

14h – Janaina Leite – "Stabat Mater"

15h – Leticia Bassit – "Converso com mães"

20h – Ultra Martini – "Stanisloves-me"

17/11 (quinta-feira)

17h – Rubi dos Santos – "Pílulas ansiolíticas"

19h – Carne Agonizante – "Eu em ti"

20h – Eliana de Santana (Cia E2) "Tudo que é imaginário, existe e é e tem"

18/11 (sexta-feira)

18h – Rebeca Tadiello "Ensaios sobre um triz"

19h – Cia Fragmento – "Dança para Camille"

20h – Coletiva Profanas e Morgana Olivia Manfrin – "fRuTaS&tRaNs-GRESSÃO "

19/11 (sábado)

17h – Zona Agbara "O que eu costumo engolir"

18h – Vanessa Macedo (Cia Fragmento de Dança) "La Mariposa"

Comments


bottom of page