• Editor

MINI TEATRO LIETA DE LÓ EXIBE FILMES PARA A COMUNIDADE

O Cineclube Raimunda é já teve início no Mini Teatro Lieta de Ló, de Planaltina/DF. Toda quarta-feira, filmes brasileiros serão exibidos para a comunidade.

O Espaço foi adaptado e se transformou num pequeno cinema.

A proposta idealizada por Preto Rezende contará com exibição semanal de filmes brasileiros, sempre às quartas-feiras. Haverá a matinê para os pequenos e a sessão noturna para os adultos.


O objetivo principal do projeto é auxiliar na formação de plateia e na difusão do cinema nacional. Durante os meses em que o Cineclube estará ativo, a cultura se fará presente, principalmente no momento em que o retorno às salas de cinema acontece fora de Planaltina. Para tal, os jovens amantes da sétima arte precisam, inevitavelmente, seguir para o Plano Piloto. Com o Cineclube Raimunda, ainda que de maneira mais tímida, haverá a possibilidade de um encontro da comunidade num local perto de casa, criando uma ponte de acesso entre moradores da região e os filmes nacionais.


A curadoria criou uma programação que, de início, atenderá às produções da última década e, em seguida, exibindo filmes mais antigos. Tal estratégia visa tanto dar margem à produção contemporânea quanto relembrar e valorizar as produções de outras épocas, pois é sabido que uma sociedade que não valoriza sua própria cultura tende a cair no esquecimento.


Além da exibição dos filmes, haverá também um breve bate-papo entre curador e o público, afinal, o estímulo ao pensamento crítico também faz parte da proposta enquanto instrumento formativo e transformador.


O Brasil é conhecido culturalmente e admirado no exterior através de suas produções artísticas. Negligenciado por muito tempo, o cinema nacional teve reconhecida projeção popular no final da década de 1990, após uma série de dificuldades do setor, passando por um grande boom em meados dos anos 2000. Apesar de tudo, sua produção forte e resistente sobreviveu às crises e ele segue ressurgindo das cinzas de todas as naturezas. Ele está vivo e crescendo dia após dia graças ao incentivo e à insistente perseverança de cineastas e associações de classe na luta pela regulação e transparência dos editais públicos, além, claro, da política cineclubista de formação de público, que existe nos subterrâneos da exibição oficial desde a década de 1960.


O local foi adaptado para comportar menos público em decorrência da COVID-19

Exibir os filmes em Planaltina, uma das mais vigorosas regiões no ramo da produção cultural do Centro-oeste, é a comprovação de que é a hora e a vez de promover mais e mais encontros com a arte. A cidade com uma das maiores manifestações de Teatro Popular do DF, através de sua Via Sacra, e de seus grupos de teatro independentes que injetam força no campo das artes cênicas agora se aventura, também, na prática do cineclubismo no tradicional Mini Teatro Lieta de Ló, que há anos contribui para a prática artística de artistas da comunidade, sendo um ambiente acolhedor e multiuso. É hora de devolver à Planaltina os incentivos que a cidade promoveu ao longo dos tempos, criando um momento de lazer e relaxamento da vizinhança do SetorTradicional tendo o cinema brasileiro como protagonista desses encontros culturais.


O Cineclube Raimunda contribuirá de maneira simples e eficiente ao fomento do circuito cultural local, auxiliando na formação de uma sociedade esclarecida sobre seu cinema e sua própria história, estimulando, sobretudo, essa consciência sociocultural.


A iniciativa do Grupo Cultural Senta Que o Leão é Manso, que coordena o projeto, tem como curador o próprio idealizador do teatro Lieta de Ló, o artista Preto Rezende, que há anos contribui ativamente para a manutenção de produtos artísticos no DF. A produção executiva fica a cargo de Edivando Cândido. O projeto conta com recursos do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito federal


PROGRAME-SE

Cineclube Raimunda – Programação de fevereiro

16/02/2022

Matinê às 15h - TAINÁ 2 (Mauro Lima, Globo Filmes, 2004) Sessão Noturna às 19h30 - QUE HORAS ELA VOLTA? (Ana Muylaert, Globo Filmes, 2015) 23/02/2022

Matinê às 15h - O MENINO DA PORTEIRA (Jeremias Moreira, Jerê Filmes, 2009) Sessão Noturna às 19h30 - OS NARRADORES DE JAVÉ (Eliane Caffé, Bananeira Filmes, 2004)


Local: Mini Teatro Lieta de Ló - Rua Hugo Lobo Quadra 46 Casa 790, Setor Tradicional - Planaltina, Brasília - DF, 73330-031


*As escolas da comunidade que tiverem interesse em realizar passeios devem entrar em contato através do e-mail preto.rezende@uol.com.br ou do telefone (61) 99654-7815.


**Haverá controle diário de público em respeito aos cuidados sobre a Covid-19. Diferente do projeto original, que previa de 30 a 20 espectadores por sessão, pode ocorrer diminuição desse número de lotação de acordo com as portarias e orientações do Governo do Distrito Federal e Organização Mundial da Saúde.

AS MAIS LIDAS DA SEMANA...