© 2019 - Conteúdo - Portal de Cultura e Arte de Brasília e do Brasil

 Editado por Josuel Junior e colaboradores       I     Web Designer: Caio Almeida

  • Instagram B&W

Para sugestão de pauta, envie release o e-mail:

falecomportalconteudo@gmail.com

  • Josuel Junior - Editoria

FINA ESTAMPA - VOCÊ LEMBRA DA NOVELA?

Trama de Aguinaldo Silva retorna em caráter emergencial no horário das 21h. A história é simples: Uma mulher pobre ganha na loteria e muda de vida.


Exibida originalmente entre 2011 e 2012, "Fina Estampa" foi a antecessora de "Avenida Brasil", que atualmente está em cartaz no horário a tarde.


A trama conta a história de Griselda (Lilia Cabral). De família muito pobre, ela criou sozinha os três filhos: Joaquim José, o "Quinzé", José Antenor e Maria Amália. Seu marido, Pereirinha, era pescador que morreu em alto-mar, cujo corpo nunca havia sido encontrado. Para sobreviver e criar seus meninos, passou a fazer uma das únicas tarefas que havia aprendido fora do serviço doméstico: mecânica. Era conhecida como marido de aluguel ou Pereirão por seus serviços.


O destino de Griselda irá se cruzar com o do chefe de cozinha René Velmont (Dalton Vigh). Ela faz um reparo no carro dele e passa a fazer pequenos serviços em sua mansão. René é casado com a madame Teresa Cristina (Christiane Torloni), uma mulher fútil, mau-caráter. Surge então uma história de romance Griselda e René, o que culmina numa sequência de maldades da vilã contra a heroína.


"Fina Estampa" teve como seu maior destaque o mordomo Crô, interpretado por Marcelo Serrado. A personagem carregou consigo a parte cômica da história e se emancipou da trama anos depois. "Crô" virou filme e faz parte das maiores bilheterias nacionais, embora, novamente, sem destaque entre a crítica especializada.


A novela fez muito sucesso e teve bom apelo popular, embora não seja tão bem quista pelos críticos e pesquisadores de teledramaturgia. Terminou com uma média-geral de 39,2 pontos, tornando-se então a trama mais assistida da década de 2010. Talvez esse seja um dos motivos da escolha do título para ocupar o principal espaço do horário nobre novamente.


A exibição terá edição especial com uma média de 02 capítulos originais condensados por dia, de acordo com resumo já liberado pela emissora. A previsão inicial é que seja transmitida até julho, o que pode mudar a qualquer momento, de acordo com a situação da pandemia do coronavírus no Brasil.


PROGRAME-SE

PRODUTO: Fina Estampa

GÊNERO: Telenovela/ Drama

QUANDO: A partir de 23 de março

HORÁRIO: 21h20

ONDE: TV Globo e Globoplay

CLASSIFICAÇÃO: 12 anos