top of page

FESTIVAL "CENA NA QUEBRADA" SEGUE ATÉ DOMINGO NA CIDADE ESTRUTURAL

O Festival Cena na Quebrada tem celebrado a produção cultural das periferias do DF e segue com a programação gratuita até domingo.

O Festival Cena na Quebrada celebra a arte cênica do Distrito Federal, promovendo e valorizando o teatro produzido nas periferias. Para a programação, foram selecionados trabalhos artísticos de grupos locais. Serão promovidos debates e oficinas para fortalecer a relação entre público e artistas, valorizando as histórias e culturas das comunidades e contribuindo para um diálogo mais plural e inclusivo na cadeia da produção artística local. Com uma programação intensa e variada, o evento democratiza o acesso à cultura, privilegiando grupos que possuam narrativas que dialoguem com os temas centrais da periferia por meio de estímulo à participação da população em eventos culturais na cidade, com entrada gratuita para todos os seis dias de realização. A realização da Cutucart é outro ponto forte do Festival Cena na Quebrada, já que a produtora tem uma trajetória consolidada na promoção de eventos culturais e artísticos nas periferias do Distrito Federal, contribuindo significativamente para a difusão da arte cênica periférica e para a construção de um diálogo mais plural e inclusivo na cena artística do DF. Produtora de conteúdo cultural desde 2006, a Cutucart segue criando produções de entretenimento e oficinas formativas de cunho social em regiões administrativas. Somente no último ano, apresentou temporadas de diferentes espetáculos, ações formativas e realizou mais uma edição da já tradicional Subúrbia – Mostra de Arte e Cultura da Cidade Estrutural. Por meio dessas atividades, a equipe de produtores impulsiona novas criações e estimula o fortalecimento criativo e a identidade cultural da Cidade Estrutural. CONFIRA A AGENDA DE ESPETÁCULOS DO FIM DE SEMANA AFETO - GRUPO EMBARAÇA 02/06 (Sexta-feira) no Centro Cultural CREAS às 21h 12 anos 50 minutos O coletivo surgiu em 2012, em um contexto onde a presença de atrizes e atores negros na cena local era escasso. Desde então, a companhia movimenta a cena brasiliense com seu trabalho de pesquisa e criação em que busca incorporar, amplificar e mergulhar nas histórias de uma coletividade atravessada pelo racismo. “Afeto” busca resgatar, através da poesia da cena, a subjetividade e humanidade destas mulheres que são tão violadas cotidianamente, fazendo com que o público tenha empatia com as histórias postas em cena e se debrucem neste espaço de reunião, debate e cura que o teatro promove. {ENTRE} CRAVOS & LÍRIOS - BRS.A. COLETIVO DE ARTISTAS 03/06 (Sábado) no Centro Cultural CREAS às 20h 12 anos 75 minutos {Entre} Cravos & Lírios é um espetáculo do BRs.a. Coletivo de artistas, grupo brasiliense que vem desenvolvendo seus trabalhos desde 2009, através do processo colaborativo. O espetáculo foi livremente inspirado nas obras "Meu primeiro amor", de Samuel Beckett, "O Capote", de Nicolai V. Gogol e na frase "ser ou não ser, eis a questão?", De William Shakespeare, que neste trabalho assume outra perspectiva: "ser ou ter, eis a questão?". Em cena, uma dupla de vagabundos excêntricos que vivem à margem da sociedade. Um deles faz do cemitério seu lar, movido pelo desejo de nunca estar longe do túmulo daquela que já foi sua amada. O outro é um andarilho que faz do lixo sua companhia mais preciosa. O encontro inusitado entre essas figuras solitárias promove fragmentos tragicamente cômicos que retratam com simplicidade vários aspectos da miséria e da poética humana, em sua nobre capacidade de viver e conviver, apesar de tudo. CADÊ?!! - CHAMADOS LÚDICOS 04/06 (Domingo) na Praça Central da Cidade Estrutural às 17h 14 anos 40 minutos Chamados Lúdicos é um grupo de teatro e circo há 4 anos no Distrito Federal. Fundada em 2019, o grupo busca uma vivência artística para jovens das regiões administrativas com o intuito de possibilitar que mais pessoas possam ter acesso a diversos campos artísticos e também se apresentar em espaços culturais do DF. Na obra, um questionamento: Onde andam os palhaços na pandemia? Como estão os artistas de rua? Cadê?! O espetáculo “Cadê?” é uma adaptação cênica criada durante a pandemia, que vai se ressignificando por onde passa para celebrar o reencontro de dois palhaços: Maknario e Maravilha, que prometem um dos seus melhores shows de palhaçaria pirofágica e acrobática. Internacionalmente desconhecidos… E até mesmo nacionalmente… Os espetáculos contarão com bate papo entre artistas e público ao final das sessões. FESTIVAL CENA NA QUEBRADA FICHA TÉCNICA Diretor de Produção: Wanderson de Sousa Produtor: Lucas Isaksson Direção Artística: Bia Oligar Assistente de produção: Analu Rangel Assessoria de Imprensa: Josuel Junior Este projeto conta com recursos do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal

Comentarios


bottom of page