FESTIVAL BRASILARTE MOSTRA A RIQUEZA ARTÍSTICA DO DF

Mais de 100 trabalhadores diretos e indiretos estão envolvidos na realização do Festival BrasilArte, que ocorre de 25 de fevereiro a 05 de março, em Brasília. A programação será transmitida online para todo o Brasil.

Chinelo de Couro - Thais Mallon

O Projeto, idealizado e desenvolvido por Ester Braga, da ABÈBÈ Produções, e Paula Melo, do Instituto Latinoamerica, vai mostrar a riqueza artística e cultural do Distrito Federal, formada a partir de uma geografia humana contemplada por imigrantes das cinco regiões brasileiras que, no DF, geraram um caldo de cultura diversificado e representativo de todo o Brasil.


Todo brasileiro pode identificar em Brasília traços muito familiares de sua cultura regional e sentir-se em casa. Além de fortalecer o turismo local, divulgando de forma nacional os produtos culturais de qualidade que o Distrito Federal possui, o Festival vai beneficiar os artistas e produtores que, neste momento de segurança sanitária, estão em isolamento social.


UM VIÉS SOCIAL


A experiência de Ester Braga e Paula Melo na valorização e visibilidade da expressão artística de mulheres, de negros e de membros da comunidade LGBTQIA+, agregou ao projeto do Festival BrasilArte um viés social, que pretende fortalecer o papel e a importância da mulher no cenário cultural.


Além da idealização e planificação do evento em si, realizadas pelas duas, a execução do Festival envolve uma equipe predominantemente de mulheres, cujo percentual de participação chega a 85%, em diferentes fases do projeto. Também a seleção dos artistas e produtores privilegiou mulheres e grupos de mulheres em sua programação.


UMA PROGRAMAÇÃO DIVERSIFICADA


A programação contemplará lives musicais; apresentações de teatro e dança; oficinas de ilustração da flora e da fauna do cerrado; de produção de artesanato, de mamulengos e de instrumentos musicais; e bate papo literário com Maíra de Deus Brito, autora do livro “Não. Ele não está”, que aborda o extermínio de jovens negros no Brasil, e o escritor Tino Freitas.


Dentre as atrações, a oficina de ilustração ministrada por Ribamar Araújo, desenhista de “A Turma do Cerrado”, no dia 27 de fevereiro, contará com participação de Magali, filha de Maurício de Souza, que deu origem à personagem de mesmo nome em “A Turma da Mônica”.


Uma das apresentações musicais será do grupo Chinelo de Couro, formado só por mulheres, que representará a música no Nordeste. De Luziânia, município goiano do entorno do DF, representarão a Dança da Região Centro Oeste “As Escolhidas do Catira”, um grupo também formado somente por mulheres, que conquistou espaço nessa manifestação cultural até então dançada só por homens.


Os shows de música e dança serão transmitidos ao vivo pelas plataformas digitais do Youtube e Facebook, e as demais atividades, como oficinas criativas e teatro, serão gravadas e disponibilizadas posteriormente nos mesmos canais para acesso permanente. A expectativa é que o Festival BrasilArte alcance cerca de 250 mil visualizações nas redes sociais, no decorrer do projeto.


PROGRAME-SE

Festival BrasilArte Quando: De 25 de fevereiro a 05 de março. Onde assitir: canal Instituto Latinoamerica – https://www.youtube.com/channel/UCTuzXeFm5wiAkiJ4zYXJciQ Classificação indicativa: livre

Para sugestão de pauta, envie release o e-mail:

falecomportalconteudo@gmail.com

© 2019 - Conteúdo - Portal de Cultura e Arte de Brasília e do Brasil

 Editado por Josuel Junior e colaboradores       I     Web Designer: Caio Almeida

  • Instagram B&W