top of page

ESPETÁCULO "MUTAÇÕES REFLETE O CAOS CONTEMPORÂNEO - SP

Concebido e dirigido por André Guerreiro Lopes, MUTAÇÕES marca o retorno de Luís Melo ao palco do Teatro Anchieta, após 21 anos

Fotos de Ale Catan

O espetáculo inédito MUTAÇÕES é uma peça teatral livremente inspirada na obra milenar "I Ching". Com concepção e direção artística de André Guerreiro Lopes, dramaturgia de Gabriela Mellão, atuação de Luís Melo, Andréia Nhur e Alex Bartelli, a temporada estreia no Teatro Anchieta – Sesc Consolação, de 7 de julho a 20 de agosto, de sexta a domingo.

Tendo como base de apoio inspirações como as simbologias do I Ching - O livro das mutações, buscou-se uma investigação sensível a partir de múltiplas linguagens: teatro, cinema, música e artes plásticas, com o intuito de investigar e construir uma estrutura narrativa baseada em princípios taoístas, que recorrem ao uso de parábolas e poemas a fim de refletir sobre a condição humana.

Uma forma de abraçar o caos, no lugar de negá-lo, encontrar serenidade no centro nervoso de tudo o que nos move, mas também paralisa. Recorrer ao estado poético como um recurso estratégico de sobrevivência, borrar fronteiras artísticas, buscar forças complementares que atuem na cena através da qualidade de presença humana. Descansar a mente de respostas imediatas, recorrer ao direito de contemplar, exercitar a escuta ativa, transitar, ocupar em movimento.

Uma das principais características que marca este projeto é a simbiose de vivências de multiartistas de diversos coletivos em uma mesma “Ágora”; a potência criativa atrelada a um notório e reconhecido repertório artístico e técnico presenteia este processo com uma personalidade criativa excitante.

A temática de estudo abordada é matéria de pesquisa confluente entre seus integrantes na qual, de maneira independente, as práticas e estudos já são exercidas em seus processos individuais de desenvolvimento filosófico e artístico.

E foi exatamente por tais vivências e compartilhamentos que o núcleo, que surge neste projeto de forma espontânea, materializa o desejo da investigação em si no campo teatral por meio da obra MUTAÇÕES.


Linguagem, estrutura dramatúrgica e elementos estéticos

Mutação e movimento. Os dois conceitos centrais da obra milenar I Ching, elaborados a partir da observação profunda da natureza e do homem, formam o eixo central da encenação de MUTAÇÕES, princípios de onde toda a construção teatral se ergue: o jogo dos atores, o uso do espaço, a dramaturgia, a iluminação. A pesquisa do projeto se define como uma busca por “dar forma à impermanência”, tendo o vento em cena como recurso central. Cria-se espaços para o espectador experienciar um estado de suspensão, assombro e imersão sensorial. Mais próxima de princípios de justaposição e analogias do que da narrativa linear, a linguagem do espetáculo é criada a partir da intersecção entre as artes do teatro físico, da palavra poética e das artes visuais, na perspectiva de um teatro total. Ventiladores são estrategicamente colocados na área cênica movimentando figurinos e objetos, na busca de dar forma ao que o vento tem de mais poético: o invisível que movimenta o visível.

Mais do que “adaptar” o I Ching, a proposta dramatúrgica é um mergulho vertical em seus princípios e simbologias, criando um espetáculo em nada “folclórico” ou “étnico”, mas sim uma dramaturgia ocidental brasileira profundamente influenciada pelas ideias do material original. Os sentidos são criados por justaposição e colisão de imagens e ritmos, convidando o espectador a participar do jogo com sua própria imaginação. Além do texto falado, todos os recursos cênicos são considerados “dramaturgia”: a ação física dos atores, o espaço, a luz, o som.

QUEM FAZ

Concepção e direção artística: André Guerreiro Lopes

Dramaturgia: Gabriela Mellão

Elenco: Luís Melo, Andréia Nhur e Alex Bartelli

Direção musical e trilha original: Federico Puppi

Cenografia e figurinos: Simone Mina

Iluminação: Aline Santini

Idealização e produção: Azayah

Coordenação de produção: Lauanda Varone

Assistência de Produção: Nayara Rocha

Consultoria "I Ching": Wagner Canalonga

Assistência de Direção e cartaz: Samuel Kavalerski

Assistência de Direção Musical: Ráae

Visagismo: Roger Ferrari

Desenho de Som: André Omote

Operação de Som: André Teles

Operação de Luz: Felipe Miranda

Fotos de Divulgação: Ale Catan

Assessoria de imprensa: Ney Motta

Realização: Sesc São Paulo

PROGRAME-SE

Espetáculo: MUTAÇÕES

Estreia nacional: 7 de julho de 2023, sexta-feira, às 20h.

Temporada de 7 de julho a 20 de agosto de 2023

Sextas e sábados, às 20h, e domingos, às 18h.

Local: Teatro Anchieta – Sesc Consolação

Rua Dr. Vila Nova, 245, Vila Buarque, São Paulo

Informações: 11 3234-3000 Lotação do teatro: 280 lugares Valor dos ingressos: R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (meia entrada) e R$ 15,00 (credencial plena) Os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente a partir do dia 27/6, às 14h, no site sescsp.org.br, ou a partir dia 28/6, às 17h, nas bilheterias das unidades do Sesc São Paulo.

Classificação: Indicado para maiores de 14 anos

Duração: Aproximadamente 70 minutos

コメント


bottom of page