top of page

ESPETÁCULO DE TEATRO-BAILE "A CASA DE FARINHA DO GONZAÇÃO - 10 ANOS DE CHÃO" CIRCULA POR SÃO PAULO

Personagens criados a partir das músicas de Luiz Gonzaga contam as suas histórias e convidam o público para dançar. Trabalho da CTI faz sete apresentações gratuitas em diversos espaços de São Paulo

FOTO: Samara Neves

O teatro é, essencialmente, a arte do encontro. E a CTI – Cia. Teatro da Investigação - Teatro-Baile evoca esse sentimento acolhedor no espetáculo A Casa da Farinha do Gonzagão – 10 anos de chão!, que faz seis apresentações gratuitas em espaços da cidade - CEU Parque Anhanguera, CIEJA Perus, CEU Parque Bristol, Espaço Cultural Inventivos, Teatro Arthur Azevedo (no estacionamento), CEU Tremembé e Parque Raul Seixas, em entre 5 de maio e 25 de junho.


O trabalho estreou em 2012 para celebrar o centenário de nascimento de Luiz Gonzaga e, ao longo dessa década, já participou de 35 mostras e festivais pelo Brasil. “Estamos sempre repensando esse texto, para nos adequarmos aos questionamentos do nosso tempo. Por ter protagonismo feminino, queremos evitar falas machistas, por exemplo”, conta Edu Brisa, diretor e dramaturgo da peça.


A obra define-se como um teatro-baile pois envolve música, dança e culinária. Os espectadores são convidados a experimentar diferentes sensações por meio das canções e das comidas típicas do Nordeste servidas durante a apresentação. Toda a experiência é acolhedora e procura despertar uma memória afetiva no público.


O ponto de partida da encenação são canções eternizadas por Gonzagão. “Entendemos que, para homenagear o Rei do Baião, precisávamos homenagear os fãs dele, que gostam de dançar forró e de comer uma paçoquinha e um baião de dois. E esses elementos estão no espetáculo. Então, criamos personagens ficcionais a partir das letras desse grande compositor”, detalha o dramaturgo.


Essas figuras são transportadas para uma casa de farinha – espaço considerado a cozinha do sertão – e se sentem livres para compartilhar as suas histórias. A peça é uma maneira do grupo investigar o modo de vida do brasileiro comum, gerando uma forte identificação com a plateia.


“Apresentamos muitas vezes espetáculo A Casa da Farinha do Gonzagão – 10 anos de chão! em ruas e praças pelo país. E é muito legal ver como as pessoas se envolvem com o trabalho. Elas se sentem representadas e importantes. Um dos depoimentos mais bonitos que recebemos foi sobre o baião de dois. Em uma apresentação em São José dos Campos, um espectador veio nos agradecer, porque o baião de dois de verdade precisa ter coentro e pimenta e nós fizemos certo”, lembra-se o diretor.


Por retratar de maneira singular os desejos, infortúnios e a labuta cotidiana de quem vive no Brasil, Gonzagão tem uma obra atemporal. Para a companhia, suas canções têm uma alegria que renova, em cada um, a esperança de dias melhores.


Teatro-Baile baseado na obra de Luiz Gonzaga. Os personagens das músicas do Rei do Baião são transportados para uma casa de farinha, a cozinha do sertão, e lá, em sua intimidade criativa, têm a chance de contarem seus “causos” e suas vidas.

QUEM FAZ

Dramaturgia e direção: Edu Brisa

Atuadores: Cris Camilo, Beto Bellinati, Juliana Grifes, Odília Nunes, Val Ribeiro e Edu Brisa

Músicos: Bia Nascimento, Fefê Camilo e Harry De Castro

Cenário: Thapióca

Figurinos: Ana Cristina Ramos, Selma Paiva e Samara Neves

Direção musical: Harry de Castro

Sonoplastia: Samara Neves

Preparação musical: Fernando Alabê

Preparação corporal e vocal: Carlos Simioni - Lume Teatro

Treinamento de máscaras: Cida Almeida

Orientação em Teatro Popular: Ednaldo Freire

PROGRAME-SE

A CASA DE FARINHA DO GONZAGÃO - 10 ANOS DE CHÃO!

Duração: 65 minutos | Classificação: Livre

05/05, sexta-feira, 19h

CEU PQ ANHANGUERA - RUA Pedro José de Lima, 1020 – Anhanguera, São Paulo - SP

12/05, sexta-feira, 19h

CIEJA PERUS - Rua Francisco José de Barros, 160 - Vila Inácio, São Paulo - SP

19/05, sexta-feira, 19h

CEU PQ BRISTOL - Rua Prof. Artur Primavesi, s/n - Parque Bristol, São Paulo - SP

28/05, domingo, 16h | VIRADA CULTURAL

ESTACIONAMENTO DO TEATRO ARTHUR AZEVEDO - Av. Paes de Barros, 955 - Alto da Mooca, São Paulo - SP

02/06, sexta-feira, 19h

CEU TREMEMBÉ - Rua Adauto Bezerra Delgado, 94 - Parque Casa de Pedra, São Paulo - SP

25/06, domingo, 14h

PQ RAUL SEIXAS - Rua Murmúrios da Tarde, 211 - Conj. Res. José Bonifácio, São Paulo - SP

Sempre uma hora antes das apresentações terá compartilhamento de processo com o público.

Siga o CTI - Teatro baile nas redes: https://www.instagram.com/teatrobaile/

Opmerkingen


bottom of page