top of page

ESPAÇOS CULTURAIS DE CEILÂNDIA RECEBEM A PEÇA "O AMIGO IMAGINÁRIO"

O espetáculo “O Amigo Imaginário”, de Elmo Férrer, chega a Ceilândia. O projeto passará pelo Galpão do Jovem de Expressão, CEU das Artes e Teatro SESC Newton Rossi.

Foto: Gabriela Zoe

A peça “O Amigo Imaginário” teve seu roteiro criado em meados de 2012 pelo dramaturgo Elmo Férrer. Morador da periferia, o ator e professor passou a ouvir e observar a realidade de muitas crianças que, assim como ele, são filhas e filhos de mães solo. A partir dessa observação, o artista deu uma contribuição autobiográfica para algumas passagens e diálogos do texto. Versões anteriores da obra, já em formato teatral, foram apresentadas anteriormente. Primeiro, como um ensaio aberto em 2012, depois numa escola pública e no FACE, Festival de Artes Cênicas de Conselheiro Lafaiete- MG em 2019, com indicações para 4 premiações de Melhor ator, Melhor atriz, Melhor direção e Melhor espetáculo infantil na categoria Palco Alternativo.


Com a falta de incentivo e verba para se manter, o projeto acabou sucumbindo e foi engavetado. Com sua aprovação junto ao FAC (Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal), a proposta retorna agora numa circulação especial por Ceilândia, uma das cidades mais efervescentes na produção artística da capital. A meta é objetiva: levar ao público um espetáculo para todos os tipos de família, colocando em pauta situações tão importantes e delicadas sobre a condição humana.


O espetáculo pretende levantar questões relevantes como a realidade de mães solo e provedoras do lar, de filhos de mães solo que desde muito cedo precisam lidar com, assim como o estímulo à imaginação e as brincadeiras usadas como meios de fuga da dura realidade de uma criança. É nesse contexto que “O Amigo Imaginário” sai do lugar comum para lidar, por meio da arte e da poesia cênica, com complexidades, dúvidas, incertezas, medos e angústias.


Além de gerar oportunidades para os atores e profissionais da arte atuantes no cenário do Distrito Federal, o espetáculo oportunizará aos espectadores o contato com o universo teatral, ao mesmo tempo que os fará repensar a própria vivência a partir da mensagem que é colocada em pauta o tempo inteiro.

Foto: Gabriela Zoe

No enredo do espetáculo, Ana, uma menina de 09 anos que precisa administrar a forma como lida com seus sentimentos, desde o entendimento da perda da avó até a ausência da mãe. Como fuga da complexa realidade, é no quarto de bugigangas, seu lugar interior, que ela consegue acessar todas suas dúvidas, medos e angústias. Quando a mãe de Ana adentra nesse quarto da bagunça e vê ali um resgate de seu próprio passado, as duas se conectam numa relação poética e honesta, prometendo encantar o público que comparecer num dos três espaços culturais que receberão a obra.


“A montagem do espetáculo foi um resgate de movimentos da infância, situações, desafios, medos e descobertas! Ele tem como base o teatro físico, explorando as diversas possibilidades que nossos corpos nos trazem. As acrobacias de solo resgatam o corpo que brinca ao som de músicas realizadas ao vivo. A personagem que costura a trama é uma criança imaginativa, capaz de criar personagens com adereços encontrados em um quarto abandonado, dando vida ao inanimado e criando possibilidades através da brincadeira de faz de conta”, finaliza Kelly Costty, diretora do espetáculo.


PROGRAME-SE

15 e 16 de julho de 2023 (sábado e domingo), às 16h

Galpão Cultural Jovem de Expressão

EQNM 18/20 Praça do Cidadão - Ceilândia/DF

(Sessão de sáb com Libras)


22 e 23 de julho de 2023 (sábado e domingo), às 16h

CEU das Artes

Estação Cidadania da QNM 28 - Ceilândia/DF

(Sessão de sáb com Libras)


27 de julho de 2023 (quinta), às 10h e às 15h

Teatro SESC Newton Rossi

QNN 27 Área Especial Lote B - Ceilândia/DF

(Sessão das 15h com Audiodescrição)


Classificação: Livre

Entrada Franca em todas as sessões


QUEM FAZ

Coordenação: Mila Ellen

Texto: Elmo Férrer

Direção: Kelly Costty

Elenco: Elmo Férrer, Gustavo Jorge, Helen Dieb, Mila Ellen, Thaís Amorim

Produção: Raiz de 3

Assistência de Produção: Dandara Alves

Cenografia, Figurino e Indumentária: Vick Albali e Súlian Princivalli

Maquiagem: Vick Albali e Dandara Alves

Preparação vocal: Mateus Ferrari

Iluminação: Miltinho Alves

Designer Gráfico: Vick Albali

Fotografia: Gabriela Zoe

Assessoria de Comunicação e Imprensa: Josuel Junior

Social Media: Lorena da Sky

Assistência de Social Media: Júlia Gabriela

Intérprete de Libras: Ana Júlia

Audiodescrição: Visual Sense

Gestão Administrativa: C1 Arte e Entretenimento

O projeto conta com recursos do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal

Comments


bottom of page