top of page

ENSAIO ABERTO DE "AQUÁRIO DE ALMAS SUTIS" NO IFB DA ASA NORTE

O projeto Aquário de Almas Sutis consiste na montagem de um espetáculo de dança contemporânea para seis dançarinos(as) inspirado na obra coreográfica original (solo) Élice.

Foto: Tom Lima

Aquário de Almas Sutis: corpos estelares e falsos brilhantes é uma ode somático-performativa ao universo musical da cantora Elis Regina, aprofundando-se nas questões que envolvem os temas políticos, sociais e relacionais das músicas que fazem parte do seu repertório. A dança, as práticas somáticas e a pesquisa vocal são elementos presentes no processo criativo, a fim de experimentar modos integrados de criação em dança.


O projeto conta com as seguintes fases:


- AUDIÇÃO pública para a seleção de elenco;

- TEMPORADA com 9 (nove) apresentações gratuitas no Distrito Federal.

- DEBATES TEMÁTICOS (com intérprete de LIBRAS),

- ENSAIO ABERTO com foco em estudantes de teatro e dança do Distrito Federal;

- OFICINA prática com duração mínima de 4 (quatro) horas em que serão compartilhados os procedimentos criativos desenvolvidos durante a montagem.


Os temas que envolvem a cantora Elis Regina são inúmeros e vários desdobramentos podem e merecem ser realizados no intuito de manter vivo o legado artístico deixado ao país por uma de suas maiores cantoras. A proposta aqui é continuar a pesquisa de seu repertório, envolvendo dramaturgicamente no movimento dançado os temas sobre os quais ela canta com seu arrebatamento artístico.


Elis Regina cantou sobre o povo brasileiro. O seu repertório e o arrebatamento de suas interpretações fizeram dela uma cantora popular. Como consequência, exportou música popular brasileira de qualidade para diversos países. Os aspectos sociais e políticos da obra de Elis são evidenciados pelas letras das músicas que escolheu para o repertório de seus discos. E em se tratando de música, ela ainda militou incessantemente pela sua classe, lutando a favor dos músicos em diversas ocasiões, com ações muito precisas frente às associações desta classe.


Com seis dançarinos em cena, esta montagem se propõe a selecionar dançarino(a)s profissionais do Distrito Federal por meio de audição pública. Além de terem a oportunidade de vivenciar um processo criativo e partilhar de sua arte com o público, os participantes serão envolvidos em procedimentos específicos de composição cênica em dança que envolvem as pesquisas aprofundadas que o coreógrafo e pesquisador diretor da obra tem desenvolvido com mais ênfase nos últimos dez anos.


“Trazer Elis Regina para um palco de Dança é resgatar o poder do apelo social e político de sua arte. A música de Elis Regina é provocativa. Assim é também seu desempenho cênico. Resgatar o acervo musical e biográfico da cantora para montar um espetáculo de dança contemporânea com artistas do Distrito Federal é resgatar o legado da arte brasileira e atualizar em dança um universo menos conhecido das novas gerações”, comenta Diego Pizarro, diretor geral do projeto.

O ensaio aberto com a equipe selecionada será realizado na próxima quinta-feira e o projeto conta com recursos do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal - FAC/DF


PROGRAME-SE

"Aquário de Almas Sutis: corpos estelares e falsos brilhantes"

13/07/2023 - 19h às 20h

Na programação do 22. IFestival Dança. @ifestivadanca.ifb

No Auditório do Bloco C do Instituto Federal de Brasília.

SGAN 610, Módulos D, E, F e G, L2 norte - Asa Norte

A apresentação conta com intérprete de LIBRAS.


QUEM FAZ

Direção Geral, Pesquisa e Concepção: Diego Pizarro

Assistência de direção: Sabrina Cunha

Preparação musical e direção rítmica: Victória Ponte Oliveira

Criação musical: João Lucas

Cenografia e figurinos: Roustang Carrilho

Consultoria em dramaturgismo: Tarina Quelho e Nayara Brito

Fotografia: Tom Lima (@tomlimaphotographer)

Maquiagem: Sandra Kelly

Iluminação: Ana Quintas

Pessoas dançarinas: Camilla Nyarady, Cleani Calazans, Guilherme Victor, Isabel Oliveira, Romulo Santos, Rômullo Viana Costa

Produção: LINHA 3 produções culturais

Assessoria de Imprensa: Josuel Junior

Realização: CEDA-SI - Coletivo de Estudos em Dança, Somática e Improvisação

Este projeto conta com recursos do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal

Comments


bottom of page