DISTRITO DRAG TEM PROJETO APROVADO PELA ONU

Coletivo de artistas LGBTI+ do DF e outros 11 projetos disputaram com outras 110 organizações.


O Distrito Drag, coletivo de arte transformista do Distrito Federal, foi selecionado para o edital Nas Trilhas do Cairo, promovido pelo Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA). A seleção foi motivo de celebração para o grupo no fim deste ano. Para o grupo, a aprovação é um marco. “Ter um projeto aprovado por uma agência da ONU [Organização das Nações Unidas] é uma importante conquista não apenas para nós artistas drags, mas para o conjunto da comunidade LGBTI+”, avalia a drag queen Ruth Venceremos, uma das fundadoras do projeto.

O projeto que levou o grupo a ser um dos 12 escolhidos em meio a 110 inscritos prevê o fortalecimento e ampliação da voz do Distrito Drag por meio de comunicação estratégica. Para participar do edital, os inscritos precisaram construir um projeto sólido e comprovar atuação na defesa dos direitos humanos, no caso do coletivo, o destaque é a atuação junto à comunidade LGBTI+.

Por meio do edital, que inclui aporte financeiro, o Distrito Drag vai intensificar a produção de conteúdo nas redes sociais, site institucional e junto aos veículos de imprensa. Para Tagore Vilela, que encena a drag queen Afrodite Starlight, a escolha do coletivo para a iniciativa da ONU é um reconhecimento pelo protagonismo de seus integrantes em projetos culturais e de direitos humanos no DF. “Estamos colhendo frutos plantados ao longo dos anos”, pontua o artista.

Três anos de arte e de luta

Em atividade desde 2017, o Distrito Drag produz e amplifica a cultura LGBTI+ por meio da arte transformista, com atuação que transita pelo campo político e construção de relevância social. Formado por Abigail, Afrodite Starlight, Amenda Nudes, Kelly Queen, Mary Gambiarra, Mozilla Firefox, Nyx, Raykka Rica, Rojava e Ruth Venceremos, o coletivo cria ações de produção, circulação e difusão das manifestações culturais e artística de pessoas de lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e intersexuais, com destaque para a defesa dos direitos humanos.

Para sugestão de pauta, envie release o e-mail:

falecomportalconteudo@gmail.com

© 2019 - Conteúdo - Portal de Cultura e Arte de Brasília e do Brasil

 Editado por Josuel Junior e colaboradores       I     Web Designer: Caio Almeida

  • Instagram B&W