top of page

DE GRAÇA: PROJETO ARTE BRASIL CONTA COM OFICINAS DE TRABALHOS DE MANUAIS NO ITAPOÃ

Crochê, biscuit e artesanato com recicláveis estão entre as opções ofertadas a partir de maio 

A 2ª edição do projeto Arte Brasil: Cultura e Cidadania no Itapoã acontece entre 11 de maio e 14 de dezembro e oferece uma diversidade de oficinas gratuitas voltadas para o público feminino do Itapoã, em Brasília. Ao todo, são ofertadas 30 aulas que acontecem durante 8 meses, sempre aos sábados pela manhã, das 9h às 11h, na casa de cultura Kanzuá do Batukenjé. Nesta temporada, as opções de cursos seguem três vertentes com foco no trabalho manual: crochê, biscuit e artesanato com recicláveis. 


Segundo a organização, o projeto oferece 75 vagas, sendo 25 por turma. Para participar, basta fazer a inscrição no local, no próximo sábado (11/05), data de início e formação das turmas.


Idealizado pelo Grupo Cultural Batukenjé, a iniciativa visa fortalecer a identidade cultural e a cidadania das alunas, possibilitando a criação de uma fonte de renda alternativa e, com isso, o empoderamento feminino, além do alcance de novas perspectivas. Ao final das atividades, as alunas receberão certificado de participação. Assim como na 1ª edição, a 2ª temporada do Arte Brasil é realizada com recursos do Fundo de Apoio à Cultura (FAC DF) e gerido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do DF (SECEC - DF).


Segundo o mestre percussionista, diretor do Batukenjé e idealizador do Arte Brasil, Célin du Batuk, o projeto conta com 10 encontros para cada modalidade e dois eventos.


“Para celebrar o início das atividades e apresentar os professores que irão ministrar as oficinas, no próximo sábado, teremos aula de dança e percussão com o Grupo Cultural Batukenjé. E, como não poderia ser diferente, no final do projeto, em dezembro, teremos um encerramento em grande estilo, com uma linda exposição do material produzido pelas alunas”, explica Célin. 


Território Cultural 

A nova temporada acontece em um território cultural simbólico do Itapoã: o Kanzuá do grupo Batukenjé. O termo vem do Kimbundu, idioma africano falado no noroeste de Angola, e significa casa. O espaço, criado para fortalecer e difundir a cultura popular na comunidade, recebeu a 1ª edição do Arte Brasil e realiza festejos e ensaios percussivos do grupo. 


PROGRAME-SE

Projeto Arte Brasil: Cultura e Cidadania

Lançamento: 11 de maio (sábado).

Horário: a partir das 9h.

Local: casa de cultura Kanzuá do Batukenjé - Itapoã II Quadra 378 conjunto Q lote 5, ao lado da Igreja Dom Orione.

Oficinas: de 11 de maio a 14 de dezembro, sempre aos sábados, das 9h às 11h.

Inscrições: gratuitas, no local.


コメント


bottom of page